Máquina de tomografia do HGP deixa de funcionar e MP diz que situação compromete a realização de cirurgias


Secretaria Estadual de Saúde (SES) afirmou que aparelho passa por manutenção e a previsão é que a peça necessária para o funcionamento chegue nesta sexta-feira (11). Hospital Geral de Palmas não está realizando exames de tomografia
Reprodução/TV Anhanguera
Pacientes internados no Hospital Geral de Palmas (HGP), maior unidade de saúde pública do Tocantins, não estão conseguindo realizar exames de tomografia. Isso porque a máquina está quebrada há pelo menos quatro dias. Segundo o Ministério Público do Tocantins (MPTO), a situação está comprometendo a realização de cirurgias neurológicas.
O órgão informou que exames de ressonância magnética também estão paralisados. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) nega.
Sobre a interrupção dos exames de tomografia, a SES disse que o aparelho da unidade entrou em manutenção na manhã de terça-feira (8) e aguarda a peça necessária para voltar a funcionar. A previsão é que ela chegue ainda nesta sexta-feira (11). Veja abaixo a nota na íntegra.
O HGP atende pessoas de várias cidades do Tocantins e o problema está afetando muitos pacientes. O MPTO afirmou, nesta sexta-feira (10), que fez um pedido à Justiça para que o secretário estadual de saúde, Edgar Tollini, preste informações sobre o funcionamento dos serviços.
Na decisão o juiz Gil de Araújo Corrêa afirma que o descumprimento implicará em apuração de crime de desobediência.
O que diz a Secretaria Estadual de Saúde
A Secretaria de Estado da Saúde (SES) informa que a máquina de tomografia instalada no Hospital Geral de Palmas (HGP), entrou em manutenção corretiva, na manhã de terça-feira, 08 e aguarda a peça necessária para seu pleno funcionamento, com previsão para chegada ainda nesta sexta-feira, 11.
A SES destaca que, enquanto a máquina não tem seu funcionamento retomado, alternativamente, muitas patologias são aferidas por intermédio de ressonâncias magnéticas. Em casos de extrema urgência e na falta do aparelho da tomografia computadorizada, o exame é realizado por clínicas particulares, às expensas da empresa contratada, que atua dentro da unidade hospitalar.
A SES enfatiza que os serviços de ressonância magnética seguem normalmente na unidade hospitalar, não sendo verídica a informação que os serviços foram interrompidos.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.