Tocantins tem registros de vacinação contra Covid em 10 profissionais da saúde que têm 121 anos e mesma data de nascimento


Em todos os casos, a data de nascimento registrada para estas pessoas é 30 de dezembro de 1899. Os dados estão no sistema de consultas OpenDataSUS. Dose de vacina aplicada em cidade do Tocantins
Divulgação/Prefeitura de Gurupi
Os dados do Ministério da Saúde sobre a vacinação no Tocantins apresentam uma situação curiosa em sete cidades no estado. Nestes municípios houve a aplicação de doses da vacina em profissionais da saúde com 121 anos de idade. Em todos os casos, a data de nascimento registrada para estas pessoas é a mesma: 30 de dezembro de 1899. (Veja na tabela abaixo)
Vacinados com 121 no Tocantins
A informação foi revelada pelo jornalista Lailton Costa, do Jornal do Tocantins, nas redes sociais. Os dados foram confirmados pelo G1 no sistema de consultas OpenDataSUS, que é alimentado pelo Governo Federal.
A lista não traz os nomes das pessoas vacinadas, apenas informações gerais, como grupo prioritário em que a pessoa estava inserida, município de residência, local de aplicação, etnia e data em que recebeu a vacina.
Todos os registros nos vacinados de 121 anos são de pessoas que foram declaradas como ‘profissionais de saúde’. As planilhas do OpenDataSUS identificam seis deles como técnicos de enfermagem e um como médico. Os demais ficaram na categoria ‘outros’, sem especificação de qual a função.
Tabela de pacientes com 121 anos vacinados no Tocantins
Reprodução/DataSus
Ainda conforme os dados do sistema, as aplicações das vacinas foram entre os dias 20 de janeiro, logo no início da campanha de vacinação e 19 de maio. As vacinas usadas nestas aplicação são a CoronaVac (seis casos) e a Oxford/AstraZaneca (10 casos). O sistema indica que seriam ao total 10 pessoas, sendo que seis receberam as duas doses da vacina e outras quatro apenas a primeira dose, não há indicação das etnia.
Veja o número de casos por cidade:
Brejinho de Nazaré – oito casos
São Valério – dois casos
Barrolândia – dois casos (Pacientes estão registrados como moradores de Miranorte)
Araguaína – um caso
Gurupi – um caso
Bandeirantes do Tocantins – um caso
Mateiros – um caso
Vacinação no Tocantins
No Tocantins a primeira dose de uma vacina contra a Covid-19 foi aplicada no dia 18 de janeiro, na enfermeira Edileuza Ferreira dos Santos, de 52 anos. Os profissionais de saúde foram o primeiro público prioritário a receber doses de vacinas. O início da campanha foi com doses da CoronaVac e em seguida foi adotada também a vacina de Oxford/AstraZeneca.
O que dizem os municípios
A Secretaria de Saúde de Gurupi afirmou que houve erro no preenchimento do formulário. E infelizmente, após lançados os dados no sistema, não há como corrigir.
A Prefeitura de Araguaína também afirmou que o registro de uma pessoa vacinada com idade de 121 anos em Araguaína se deu por um erro de registro na data de nascimento da paciente durante o cadastro do cartão SUS. “Como o sistema ainda não permite alterações, a idade incorreta ainda consta na base de dados do sistema OpenDataSUS, do Ministério da Saúde”, diz a nota.
O G1 entrou em contato com os outros municípios que aplicaram as vacinas e aguarda um posicionamento sobre esses dados.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.