Autoescolas reclamam que bancas para carteira de motorista estão sendo feitas apenas nas principais cidades do estado


Avaliações práticas são realizadas apenas em Palmas, Araguaína e Gurupi; Provas teóricas são feitas em 11 municípios. Diretor do Detran explica que a demanda influencia escolha dos locais. Detran volta a aplicar provas para tirar a habilitação em Palmas, Araguaína e Gurupi
Durante o mês de maio o Departamento de Trânsito do Tocantins voltou a realizar as provas teóricas e práticas para a primeira habilitação, que estavam suspensas devido à pandemia de coronavírus. Só que a quantidade de cidades em que os serviços estão disponíveis é motivo de reclamação para as autoescolas e candidatos.
As provas práticas voltaram a ser realizadas no último dia 18 de maio apenas nas três principais cidades do estado: Palmas, Araguaína e Gurupi. A avaliação teórica é feita em 11 municípios do estado, mas o número é considerado pequeno, tendo em vista que o Tocantins tem 139 cidades.
“Somos de Fátima e a última banca examinadora que nós tivemos foi no dia 17 de março deste ano. Embora saibamos que alguns colegas do ramo que também moram no interior tiveram bancas de provas práticas antes disso. Isso tem causado alguns transtornos como a reclamação dos alunos, além disso, a autoescola também tem suas obrigações mensais”, disse o Zacarias Lopes.
Durante entrevista à TV Anhanguera, o diretor de operações do Detran, Marcos Jair de Aguiar, explicou que as bancas práticas estão sendo realizadas nas principais cidades devido a grande quantidade de candidatos que estavam aguardando.
Veículo de autoescola durante banca em Palmas
Reprodução/TV Anhanguera
“A gente está fazendo um mutirão para compensar a realização dessas provas que ficaram paradas nesse período, tirar todo o acúmulo de alunos que estavam esperando para realizar essas provas. Do dia 18 até o dia 31 foram mais de 1.400 provas práticas e 2 mil provas teóricas no estado”, disse.
Ele afirmou que o órgão tem seguido todas as medidas de prevenção, tanto na aplicação das provas teóricas como práticas. A realização de bancas no interior depende da viabilidade para deslocamento da equipe de avaliação.
“A banca não é viável sair de Palmas para uma cidade do interior para atender duas, três ou quatro pessoas. A gente precisa que eles terminem as suas aulas, que os alunos estejam aptos para realizar essas provas para que a gente possa encaminhar as bancas para realizar esse processo da prova prática”, afirmou.
Segundo o diretor o formato das bancas continua o mesmo de antes da pandemia, dependendo da conclusão dos cursos teóricos pelos alunos e da formação de uma demanda mínima para as viagens da banca de avaliação.
Mesmo sem dar um prazo de quando as bancas no interior serão retomadas, o diretor afirmou que pessoas do interior podem realizar as provas práticas em Palmas, Araguaína e Gurupi.
“Neste momento a gente está permitindo usuários de fora realizarem onde a gente está fazendo banca. Pensando nessas programações de cidades mais próximas, a gente já realizou provas em Porto Nacional e Luzimangues, atendendo essa demanda. Alunos de cidades próximas a Palmas, Araguaína e a Gurupi a gente está abrindo essa oportunidade deles realizarem provas nesses municípios desde que seja justificado”, disse.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.