Largue os Estudos e Vá se Inscrever no BBB22

O exemplo da campeã da edição 2021 do Big Brother Brasil – BBB21, Juliette Freire, comoveu uma legião de milhares de concurseiros e mais de 25 milhões de seguidores nas redes sociais. A ex-concurseira agora curte sua fama e fortuna que foram “construídas” em apenas 100 dias de confinamento.

Em entrevista a “sister” disse que: “a vida de concurseira é muito sofrida”. Será que é mais sofrida do que a de um BBB?

Muitas pessoas imaginam que a vida do BBB é só ficar 100 dias confinado com outros 19 participantes e ganhar o programa. No entanto, é bom lembrar que o BBB é originalmente baseado no Livro “1984”, de George Orwell e idealizado por John de Mol. Contudo, serve como um experimento social diante de tantas dinâmicas envolvidas no programa. São exemplos dessas dinâmicas: alianças, inimizades, Big Fone, monstro, xepa e VIP, liderança, anjo, paredão, etc… Tudo feito para gerar um estado mental de alerta e constantes desentendimentos entre os participantes.

No entanto, antes mesmo de estar na casa apenas 10 participantes são escolhidos atualmente em meio ao grande público. Outros 10 são subcelebridades. Nesse ponto o “reality” se parece com os concursos as avessas, pois este tem reservas de vagas para vulneráveis, já aquele, tem reserva de vagas para privilegiados.

Embora a quantidade de pessoas inscritas não seja abertamente divulgada sabe-se que na última edição 90 mil candidatos passaram para a segunda fase da longa peneira que chega aos 10 participantes escolhidos dentre os meros mortais. Algo muito parecido com os concursos também quando vemos que existem pré-requisitos para a inscrição e o avanço nas fases vai afunilando até chegarmos aos aprovados e eventualmente nomeados.

Será que BBB é mais fácil do que concursos? Inclusive fiz um vídeo no Canal Defensolândia sobre isso:

Em todas as etapas do programa, desde a seleção os critérios são bem aleatórios, pois nem mesmo os produtores sabem exatamente qual perfil será o preferido do público. Logo, o elenco tem que ser o mais eclético possível. Já nos concursos os parâmetros de avaliação são objetivos. O edital diz todas as matérias que você deve estudar e quais assuntos dentro de cada matéria. Além disso, existe uma previsibilidade nos concursos, pois quase a metade dos assuntos se repetem nas provas é só saber fazer uma boa seleção das questões que você vai responder para se preparar.

Mesmo não ganhando o “reality” você ainda pode ganhar uns bons trocados com a fama. Exemplos disso foram Grazi Massafera e Sabrina Sato. Contudo, esses exemplos são escassos. Além disso, a fama em regra é passageira. Já nos concursos tudo que você estuda não pode ser retirado de você. Meu pai dizia: “A única coisa que não podem retirar de você é o seu conhecimento.”

Ao que tudo indica a sorte e o acaso são os maiores atributos de um campeão de reality show. Situação bem diferente acontece nos concursos públicos, onde seu esforço e dedicação paga dividendos até maiores que para o campão do Big Brother Brasil.

Por isso se você quiser arriscar largue tudo e vá se inscrever no BBB22. Do contrário, bora estudar, pois tem muito concurso vindo em 2021 ainda. Quem sabe você assista o BBB22 já empossado no seu cargo público dos sonhos…

O post Largue os Estudos e Vá se Inscrever no BBB22 apareceu primeiro em Jornal de Brasília.


Leia matéria na íntegra no Site Portal de Brasília

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.