Profissionais da saúde que não estão na linha de frente contra a Covid serão vacinados em universidade de Palmas


Ação começa nesta terça-feira (20). Imunizantes são para profissionais de várias áreas, como dentistas, farmacêuticos, fisioterapeutas; todos devem constar na lista de órgãos ou apresentar o ofício protocolado no ato da vacina. Prefeitura de Palmas vacina profissionais de saúde contra a Covid-19
Raíza Milhomem/Prefeitura de Palmas
Profissionais da saúde de Palmas serão vacinados contra o coronavírus na universidade Ceulp-Ulbra a partir desta terça-feira (20). Segundo Prefeitura, as doses são para pessoas que trabalham em várias áreas, como dentistas, farmacêuticos, fisioterapeutas, entre outros. As aplicações serão nas terças, quintas e sextas-feiras, sempre das 8h às 13h. Veja abaixo quem pode ser vacinado nesta etapa.
A imunização será para diversos profissionais, inclusive de clínicas particulares, sejam eles de listas autorizadas por órgãos ou ofícios protocolados na Secretaria Municipal da Saúde (Semus).
É que mesmo atendendo vários pacientes diariamente, eles não foram contemplados com a vacina no início da campanha, já que a prioridade eram as pessoas que estavam na linha de frente contra a Covid-19.
Para receber o imunizante o profissional deverá ir ao ginásio da universidade com documento pessoal com foto (RG ou CNH) e o cartão de Vacina. Também é necessário constar na lista de órgãos ou apresentar o ofício protocolado no ato da vacina, constando seu local de atuação.
Aqueles que irão tomar a segunda dose devem estar com cartão com o registro da primeira aplicação.
A vacinação será segmentada por área de autuação. Nesta etapa não serão inseridos assistentes administrativos, auxiliares de serviços gerais e de recepção.
Público-alvo e dias de aplicação
Terça-feira, 20 de abril: odontólogos, técnicos ou auxiliares de saúde bucal, autônomos ou de clínicas. Serão vacinados ainda profissionais de hospitais e de laboratórios que deverão constar nas listas autorizadas, previamente encaminhada à Semus.
Quinta-feira, 22 de abril: farmacêuticos, médicos veterinários, educador físico (com exceção de academias e serviços de estética), biólogos listas já autorizadas de outras instituições ou com cópia do oficio protocolado com local de atuação. Já os médicos veterinários devem atuar em atividades com a finalidade de saúde humana, exceto as clínicas de animais que não estão nesta etapa.
Sexta-feira, 23 de abril: equipe multiprofissional de clínicas e autônomos (psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeuta ocupacional).
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.