MPDFT quer apurar exibição de vídeo pornográfico em escola pública

MPDFT

O Ministério Público (MPDFT) pediu a instauração de inquérito policial para investigar a exibição de um vídeo pornográfico durante aula online de uma turma do 6º ano do Centro de Ensino Fundamental (CEF) nº 11 de Taguatinga.

O Núcleo Especial de Combate a Crimes Cibernéticos (NCyber/MPDFT) pediu à Delegacia Especial de Repressão aos Crimes Cibernéticos da Polícia Civil (DRCC/PCDF) para investigar o caso. O MP quer que os responsáveis por passar o vídeo na aula sejam identificados.

O caso ocorreu na última terça-feira (6), e o pedido do MPDFT foi feito na quarta (7). Também é necessário saber se houve invasão de algum dispositivo para a exibição do vídeo, afirma o NCyber.

Os responsáveis podem responder pelos crimes de invasão de dispositivos (Art. 154 da Lei nº 12.737/2012) e pela indução dos menores a presenciar ato libidinoso (Art. 218A da Lei nº 12.015/2009).

 

O post MPDFT quer apurar exibição de vídeo pornográfico em escola pública apareceu primeiro em Jornal de Brasília.


Leia matéria na íntegra no Site Portal de Brasília

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.