Polícia prende quatro pessoas após encontrar mais de 20 kg de drogas escondidos em propriedade no TO


Flagrante foi registrado na zona rural de Wanderlândia. Policiais localizaram 19 tabletes de maconha dentro de mala, que estava coberta por uma lona, no quintal da casa. Polícia Civil apreende mais de 20 quilos de drogas no norte do Tocantins
Divulgação/SSP
Quatro pessoas foram presas suspeitas de tráfico de drogas após a Polícia Civil encontrar mais de 20 quilos de entorpecentes escondidos em uma propriedade, na zona rural do município de Wanderlândia, norte do estado. Durante buscas no imóvel, os policiais viram uma mala coberta por uma lona. Dentro, havia 19 tabletes de maconha.
A ação foi realizada pela 2ª Divisão Especializada de Repressão a Narcóticos (2ª Denarc) de Araguaína, nesta sexta-feira (5), comandada pelo delegado José Anchieta de Menezes Filho.
Os policiais foram até a propriedade após receberem informações de que na zona rural da cidade havia um grupo de pessoas com uma grande quantidade de drogas. No local, encontraram uma mulher, de 22 anos, o marido dela, de 44 e mais dois homens, de 42 e 47 anos.
Com eles, os policiais apreenderam várias porções de maconha, cerca de 300 gramas de cocaína; balança de precisão; R$ 450; duas munições calibre 32 e três munições calibre 22 intactas; uma munição calibre 38 deflagrada; insumos para embalar a droga, além de 73 pontos de LSD.
Após as prisões, os policiais civis intensificaram as buscas no terreno da casa e localizaram nos fundos do imóvel, uma lona preta que cobria uma mala de viagem. Ao abrir a mala, foram encontrados 19 tabletes de maconha.
Segundo o delegado, o casal capturado é o mesmo que foi preso, pela DEIC, de Araguaína, no dia 29 de abril de 2019 na cidade de Aguiarnópolis. Na época, os policiais civis apreenderam cerca de R$ 13 mil em dinheiro e mais 7 kg de maconha que estavam armazenados na casa em que ocupavam na cidade.
O grupo foi autuado pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Após a realização dos procedimentos legais, os três homens foram encaminhados à Unidade Penal de Araguaína e a mulher, para a Unidade Penal Feminina de Babaçulândia.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.