Preços de carros novos aumentam e vendas caem no mercado do Tocantins


Em janeiro de 2020, foram vendidos 2.443 veículos novos e no mesmo mês de 2021, foram 2.149. Preço do carro popular também subiu. Pandemia afeta setor de automóveis e empresários relatam queda nas vendas
Quer andar de carro zero? A notícia não é muito boa. O preço dos veículos novos subiu e as vendas do setor automobilístico caíram no mercado tocantinense. Um dos motivos é a pandemia da Covid-19. O que anima são as taxas de crédito mais acessíveis.
Foram 2.433 veículos novos emplacados em janeiro de 2020 em todo o estado. Já em janeiro desse ano, o número ficou em 2.149, uma redução de cerca de 12%.
Só para se ter uma ideia do aumento, em janeiro do ano passado, um carro popular custava R$ 10 mil a menos em relação a este mês.
“Como aconteceu uma forte apreciação do dólar no ano passado e o volume de produção caiu muito, tudo isso influenciou na planilha das montadoras, que repassaram isso para os produtos. Os veículos tiveram um forte aumento ao longo de 2020 e já iniciaram 2021 também com aumento”, explicou o empresário Carlos Humberto.
Para o presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, Alarico Assunção, a queda no número de vendas poderia ser ainda maior devido a pandemia.
“Nós acreditávamos que fôssemos ter uma queda de 39,5% no exercício de 2020. A partir da segunda quinzena de maio começou-se a recuperar lentamente. A queda se deu em 26%. Portanto, bem menor que a queda que nós prevíamos”.
Valor de automóveis aumenta e vendas diminuem
Reprodução
Mas o setor tem apostado nas linhas de crédito mais atrativas e na redução da margem de lucro para garantir o negócio.
“O crédito continua sendo abastecido, o juro está barato e nós temos pelo próprio governo federal e os principais analistas econômicos que vamos ter um crescimento de 3,5% do PIB. Isso dá um afã muito grande na economia e logicamente no nosso setor”, destacou Alarico.
Se comprar um carro novo exige mais atenção, quem trabalha com os usados, já enxerga o cenário com mais otimismo nas vendas. Por isso, as empresas têm apostado em mais facilidade para o cliente.
“A linha de consórcio também ampliou muito essas oportunidades, aumentando a idade dos veículos para aquisição. Isso aí contribuiu para que o nosso mercado pudesse não sentir um impacto tão negativo e em determinados meses, apresentou até um certo crescimento comparado a outros anos”, finalizou o empresário Ernesto Santana.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.