Coordenador de Bolsonaro sugere demissão de ‘militantes esquerdistas’

Coordenador da campanha de Jair Bolsonaro no Norte de Minas Gerais e dirigente local do PSL em Montes Claros, Levy Castilho sugere a demissão em massa de “esquerdistas” em órgãos públicos da região.

Uma postagem feita por ele no Facebook pergunta aos amigos se algum deles conhece “militantes” em alguma autarquia federal. Ao receber comentários positivos, afirma que mandará uma lista ao futuro ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Castilho não aguentou a pressão. Algumas horas depois, apagou o post e voltou atrás: “Não tenho nada contra quem é de esquerda. Eu só queria saber quais os órgãos federais existem no Norte de Minas e se tem alguma pessoa contratada exclusivamente para atuarem nas campanhas políticas”. 

Reprodução
Reprodução

Leia matéria na íntegra no Blog Radar da Revista Veja
Autor: Pedro de Carvalho

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.