Lei seca é decretada em 85 cidades do Tocantins para o 2º turno das Eleições

Em Palmas, venda de bebidas alcoólicas fica proibida entre meia-noite e 19h do domingo (28). Estado elegeu governador no primeiro turno. Venda de bebidas alcoólicas foi proibida em 85 cidades
Reprodução/GloboNews
O Tribunal Regional Eleitoral informou que 85 das 139 cidades do Tocantins terão lei seca para o segundo turno das eleições 2018. O estado reelegeu o governador Mauro Carlesse (PHS) no 1º turno e por isso vota apenas para presidente. Em Palmas, a medida começa a vale a meia-noite e fica em vigor até 19h do domingo.
Entre as maiores cidades do estado, Gurupi, Colinas, Guaraí, Tocantinópolis e Dianópolis não decretaram a medida. Quem define se haverá ou não lei seca são os juízes eleitorais de cada zona eleitoral.
Em Araguaína, Porto Nacional e Paraíso do Tocantins a proibição começa a valer às 23h do sábado (27) e termina as 19h do domingo (28). Em Miracema, Lajeado e Tocantínia a medida começa já às 18h do sábado e continua em vigor até 20h do domingo.
As cidades que devem ficar mais tempo sob a lei seca são Natividade, Chapada da Natividade, Almas e Santa Rosa do Tocantins. Nelas, as bebidas não podem ser vendidas entre o meio-dia do sábado até 18h de domingo.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.