PRF apreende carga de madeira com documentos irregulares na BR-226


Flagrante foi perto de Palmeiras do Tocantins, no norte do estado. Madeira foi extraída no Pará e iria para a Bahia. Carga de madeira foi apreendida na BR-226
Divulgação/PRF
A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que apreendeu uma carga de madeira com documentos irregulares na BR-226, perto de Palmeiras do Tocantins, no norte do estado. Segundo a PRF, o condutor do caminhão apresentou documentos que autorizavam o transporte, mas a quantidade de madeira levada era maior que a declarada e por isso todo o material foi apreendido.
A madeira era do tipo sapucaia e já estava serrada. Ela foi extraída no Pará e tinha como destino a Bahia. O veículo e carga foram retidos e entregues para a Polícia Militar Ambiental. O motorista pode responder por crime ambiental.
Um levantamento realizado pela PRF mostra que a quantidade de madeira ilegal apreendida no Tocantins aumentou em 2020. O que foi localizado nos 11 primeiros meses do ano já é quase o triplo do total de apreensões de 2019.
As equipes de fiscalização identificaram que a maioria das extrações irregulares é feita na região amazônica, particularmente no Pará. As principais regiões de destino das cargas são o Centro-Oeste e Nordeste.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.