Aos 62 anos, Araguaína atrai novos moradores em busca de crescimento e oportunidades


Engenheiro agrônomo de Goiás que se mudou recentemente para a cidade pretende construir nova história ao lado da família. Veja também relato de moradora pioneira, que viu o município expandir. Araguaína completa 62 anos e moradores falam como é viver no município
Aos 62 anos, Araguaína é uma cidade das oportunidades. Moradores pioneiros ou os que chegaram recentemente destacam o potencial econômico em virtude, principalmente, do crescimento do agronegócio. Conheça a história de quem viu a cidade expandir e também de quem pretende construir uma nova história na região.
A família da Denise Morais teve participação significativa nesse processo de evolução. Ela se lembra, com orgulho do pai, Ismael de Morais, que veio para Araguaína em 1972 gerenciar uma loja para materiais de construção.
“Meu pai trabalhava em uma grande loja de material para construção em Goiânia e os empresários já viram Araguaína como uma cidade de futuro e resolveram abrir aqui uma filial dessa loja. E convidaram meu pai para vir gerenciar essa loja. E papai veio, tranquilo, quando chegou, se encantou, acreditou”.
Araguaína completa 62 anos
Reprodução/TV Anhanguera
A mudança aconteceu quando Denise tinha apenas seis anos de idade. Apesar da pouca idade, lembra da época com riqueza de detalhes.
“Em Araguaína era tudo muito simples, tudo muito novo e praticamente, nada de asfalto, nada de meio-fio, a energia, me parece que era a motor ou era gerada aqui no Corujão, e até certa hora, a energia acabava”, disse.
Com o tempo, nasceu o amor pela terra e rendeu bons frutos. Anos depois, a família conseguiu montar o próprio negócio. Já crescida, a Denise também resolveu investir. Ela montou uma loja de paisagismo, se casou e teve três filhos.
Moradora revive lembranças do início de Araguaína
Reprodução/TV Anhanguera
Araguaína é uma cidade de oportunidades que segue acolhendo pessoas em busca dos seus sonhos. O engenheiro agrônomo Leandro Campos, de 28 anos, está há três meses no município. Ele se formou recentemente em uma faculdade de Goiânia (GO) e se mudou para a cidade com a finalidade de gerenciar uma das maiores lojas de produtos e serviços agropecuários da região.
“A tomada de decisão para vir para o Tocantins foi muito simples. Araguaína, hoje, é um centro comercial no norte do país. Ela é uma cidade que gera muita oportunidade para nós, principalmente, para nós do agronegócio. Aqui tem uma pecuária muito bem estabelecida e uma agricultura de muito potencial”.
A empresa na qual ele trabalha faz parte de um grupo presente em seis estados. A filial de Araguaína foi construída em 1976, onde ele hoje, se orgulha de estar.
“Eu já tinha vontade de vir conhecer o norte do país. A gente ouvia falar da velocidade e do crescimento do agronegócio do estado do Tocantins. Para mim, foi uma satisfação muito grande em poder participar dessa nova etapa da companhia, nessa nova estrutura, nessa nova unidade. Tanto eu, quanto a minha esposa, estamos muito felizes pela oportunidade. Já adquirimos um imóvel por aqui e aqui vamos ficar. Queremos crescer e criar nossos filhos aqui”.
Engenheiro escolhe Araguaína para investir em negócios agrônomos
Reprodução/TV Anhanguera
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.