PF faz operação para apreender veículos oficiais que teriam sido utilizados na campanha eleitoral em Pequizeiro


Entre os veículos estariam um trator e um caminhão que realizavam serviços particulares em fazendas. Operação foi chamada de ‘Derrapagem’. Operação foi realizada em Pequizeiro, no norte do Tocantins
Divulgação
A Polícia Federal realizou nesta quinta-feira (12) uma operação em Pequizeiro, no norte do estado, para apreender veículos oficiais da prefeitura que estariam sendo utilizados de forma irregular, inclusive para beneficiar candidatos nas Eleições 2020. Os agentes foram até o município procurando por pelo menos três veículos, sendo um caminhão, um trator de esteira e um carro de passeio modelo Fiat Uno.
Em nota, a prefeitura de Pequizeiro negou o uso de qualquer veículo oficial com fins eleitorais, disse que entregou toda a documentação sobre o caso para a Polícia como foi solicitado e declarou que as denúncias são infundadas e motivadas por interesses eleitoral. (Veja a nota na íntegra ao fim da reportagem)
A ação foi chamada de operação ‘Derrapagem’. Uma fazenda que pertenceria ao prefeito da cidade, Paulo Roberto Mariano Toledo (DEM), foi alvo das buscas porque a PF acredita que o trator de esteira estava realizando serviços particulares no local. Toledo está no segundo mandato e por isso não é candidato a reeleição.
Os veículos sob investigação foram doados para a prefeitura pela Receita Federal após serem apreendidos durante operações policiais anteriores. A nova ordem de apreensão foi autorizada pelo juiz Marcelo Eliseu Rostirolla, da 16ª Zona Eleitoral do Tocantins. Ele determinou ainda que todos os outros veículos que a Receita Federal enviou para o município sejam localizados e tenham as atuais condições declaradas.
Segundo a PF, os investigados poderão responder, na medida de suas responsabilidades, pelos crimes de abuso de poder político e econômico, improbidade administrativa e crime contra a administração pública.
Nota da prefeitura de Pequizeiro
Informamos que nenhum veículo está sendo usado com fins eleitorais, e que todas as informações e documentação foram entregues a policia conforme solicitado. Declaro ainda que são denuncias infundadas, e tais denúncia são por parte de questões eleitorais. Os veículos que foram citados na denúncia, dois já foram leiloados, outro está a serviço da secretária de agricultura, outro a serviço de uma escola da zona rural e outros veículos doados ainda não chegou no município encontra se Associação da Polícia Militar e bombeiros militares do estado de Goiás, em Goiânia – GO .
Posição nossa é de que estamos sendo alvo de denúncias infundadas pois estamos a poucos dias das eleições e com isso nossos opositores buscam a todo custo distorcer os fatos e criam esse clima de tesão, que no final não conseguem comprovar suas denúncias.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.