HGP vai oferecer reabilitação para pacientes que tiverem sequelas da Covid-19


Atendimentos devem começar na próxima semana para pessoas que estiveram internadas na UTI e na UCI do hospital. Ideia é reduzir o tempo de internação dos pacientes crônicos. Hospital Geral de Palmas será a sede do projeto
João Guilherme Lobasz/G1
O Hospital Geral de Palmas começa a oferecer na próxima semana um serviço para ajudar na reabilitação de paciente que enfrentam sequelas da Covid-19. O serviço será dedicado a pessoas que ficaram internadas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e Unidade de Cuidados Intensivos (UCI).
Entre os profissionais que farão os atendimentos, estão fisioterapeutas, psicólogos, médicos e fonoaudiólogos. A ideia é reduzir o tempo de permanência de pacientes crônicos na internação. O HGP é o maior hospital do Tocantins e a unidade de referência para casos de coronavírus no estado.
Além de Palmas, há hospitais de outros três estados e do Distrito Federal participando da iniciativa. As equipes vão receber orientações de profissionais do Hospital Sírio-Libanês de São Paulo. Serão três visitas presenciais e uma webconferência para a capacitação.
Equipamentos específicos para atender as eventuais sequelas também serão enviados para a unidade.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.