Idosa desaparecida é encontrada morta e com corpo queimado em Lajeado


Eva Corsino da Cunha, de 69 anos, foi vista pela última vez no dia 29 de setembro. Caso está sendo investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Tocantínia. Eva Corsino estava desaparecida desde o dia 29 de setembro
Divulgação
A idosa Eva Corsino da Cunha, de 69 anos, que estava desaparecida desde o dia 29 de setembro, foi encontrada morta e com o corpo queimado em Lajeado, neste domingo (18). O cadáver estava em estado avançado de decomposição.
De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, moradores viram o corpo e acionaram a Polícia Militar. O cadáver estava perto de um ponto de ônibus que fica após a ponte entre Lajeado e Miracema.
O caso está sendo investigado pelo delegado Hismael Athos, responsável pela 69ª Delegacia de Polícia de Tocantínia. O delegado vai ouvir os familiares, amigos e conhecidos da idosa e aguardar o resultado do laudo que indicará as causas da morte.
Informações preliminares indicam que a idosa estava deprimida e que teria sido vista pela última vez na TO-010.
O corpo segue no Instituto Médico Legal em Palmas. A idosa deixa um filho.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.