Prefeitura de Paraíso libera eventos com até 50 pessoas e música ao vivo em bares


Decreto que flexibiliza medidas tem validade até 25 de novembro. Cidade é a sexta mais afetada pela pandemia com 2.273 casos de coronavírus e 42 mortes. Paraíso do Tocantins fica na região central do estado
Reprodução/TV Anhanguera
A Prefeitura de Paraíso do Tocantins, na região central do estado, decidiu flexibilizar as medidas de prevenção à Covid-19 e liberar eventos com até 50 pessoas na cidade. O novo decreto publicado nesta sexta-feira (25) também prorrogou o horário de funcionamentos do comércio e liberou música ao vivo em bares e restaurantes.
A cidade é a sexta mais afetada pela pandemia de coronavírus, segundo o boletim epidemiológico estadual publicado neste sábado (26). São 2.273 casos e 42 mortes. Paraíso não tem leitos de UTIs públicos para receber pacientes graves.
Segundo o município, o novo texto foi aprovado após deliberação do Centro de Operações de Emergência e terá validade até 25 de novembro. A partir deste sábado (26) poderão ser realizados seminários, congressos, convenções, simpósios, conferências, palestras e similares.
Também estão permitidas reuniões corporativas, oficinas, palestras, treinamentos e cursos corporativos, assim como eventos sociais, com número máximo de 50 pessoas. Só que o decreto não deixa claro quais seriam os “eventos sociais” permitidos.
O texto também trouxe mudança nos horários de funcionamento das lojas. Todos os estabelecimentos que pratiquem o comércio ou prestem serviços de natureza privada deverão funcionar até a meia-noite. A partir deste horário serão permitidas apenas entregas ou retiradas. Farmácias e postos de combustíveis permanecem fora da proibição.
Além de liberar a abertura de bares, restaurante e similares até meia-noite, o município também deu autorização para som ao vivo com “voz e violão individual ou outro instrumento”.
Foram mantidos protocolos de segurança como: limitação de pessoas e distanciamento, controle de entrada e permanência, verificação de temperatura, uso de máscara, higienização constante do ambiente.
Por fim, o texto afirma que estão suspensos para uso coletivo os estádios, campos, ginásio e quadras de práticas esportivas, assim como praças e logradouros públicos de qualquer natureza, excetuando os estabelecimentos que funcionem no seu interior. Aglomerações em praça publica também estão proibidas.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.