Tocantins registra mais 800 casos positivos de coronavírus e 15 novas mortes pela doença


Entre os óbitos, está o de uma criança de apenas um ano que era moradora de Miranorte. Total de pacientes que não resistira chegou a 799. O Tocantins contabilizou, neste sábado (12), 800 novos casos de coronavírus e mais 15 mortes pela doença. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), com a atualização o estado passou a somar 59.395 infectados e o número de óbitos chegou a 799.
Entre os óbitos, está o de uma criança de apenas um ano de idade. Se trata de uma menina que era moradora de Miranorte e morreu nesta sexta-feira (11) no Hospital Infantil de Palmas.
Média móvel: veja em quais estados as mortes estão subindo, em estabilidade ou em queda
A SES afirmou que as novas confirmações são de vários dias de coletas de exames. Os últimos pacientes que não resistiram aos sintomas da Covid-19 moravam em Palmas e em cidades do interior do Tocantins e tinham entre um e 86 anos. São eles:
Mulher de 75 anos, residente de Palmas. Comorbidades: hipertensão e cardiopatia. Óbito no dia 11/09/20 no Hospital Osvaldo Cruz.
Criança do sexo feminino de 1 ano, residente de Miranorte. Comorbidades: Não relatado. Óbito no dia 11/09/20 no Hospital Infantil de Palmas
Homem de 70 anos, residente de Paraíso do Tocantins. Comorbidades: em tratamento oncológico. Óbito no dia 10/09/20 no Hospital Geral de Palmas.
Homem de 77 anos, residente de Palmas. Comorbidades: Diabetes e Doença coronariana crônica. Óbito no dia 03/09/20 no Hospital Unimed Palmas.
Mulher de 73 anos, residente de Pequizeiro. Óbito no dia 05/09/20 na UTI Instituto Ortopédico de Palmas.
Homem de 71 anos, residente de São Sebastião. Comorbidades: Diabetes e Insuficiência Cardíaca. Óbito no dia 10/09/20 no Hospital Regional de Augustinópolis.
Mulher de 72 anos, residente de Silvanópolis. Comorbidades: hipertensão e cardiopatia. Óbito no dia 09/09/20 no Hospital Municipal de Silvanópolis.
Homem de 59 anos, residente de Palmas. Comorbidades: doença pulmonar obstrutiva crônica, hipertensão e doença cardiovascular crônica. Óbito no dia 03/09/20 no Hospital Estadual de Combate à COVID-19.
Homem de 65 anos, residente de Araguaína. Comorbidades: doença pulmonar obstrutiva crônica e insuficiência respiratória aguda. Óbito no dia 27/08/20 no Hospital Santa Tereza em Palmas.
Homem de 83 anos, residente de Palmas. Comorbidades: AVC e insuficiência respiratória aguda. Óbito no dia 30/08/20 no Hospital Santa Tereza.
Homem de 73 anos, residente de Araguaína. Comorbidades: sem relato. Óbito no dia 04/09/20 na UPA de Araguaína.
Mulher de 70 anos, residente de Araguaína. Comorbidades: hipertensão e Diabetes. Óbito no dia 05/09/20 na UPA de Araguaína.
Homem de 70 anos, residente de Araguaína. Comorbidades: sem relato. Óbito no dia 10/09/20 na UPA de Araguaína.
Mulher de 86 anos, residente de Araguaína. Comorbidades: sem relato. Óbito no dia 10/09/20 na UPA de Araguaína.
Homem de 72 anos, residente de Nova Olinda. Comorbidades: doença renal crônica e hipertensão. Óbito no dia 10/09/20 no Instituto Sinai em Araguaína.
Novos casos
Novos registros da doença foram registrados em 68 cidades do estado. Do total, 209 são de Palmas, que já soma 14.438 confirmações e segue sendo o município mais afetado pela Covid-19 no Tocantins. A cidade também tem 119 mortes.
Araguaína é a segunda cidade mais afetada pela pandemia. Com os 86 novos diagnósticos o município chega a 13.870 moradores com a doença e o número de mortes é de 180.
Todos os 139 municípios do Tocantins têm casos confirmados da doença. Veja abaixo as 10 cidades com mais confirmações. A lista completa pode ser encontrada no site da Secretaria de Saúde.
Segundo o SES, do total de casos, 40.494 estão recuperados e 18.102 ainda estão em acompanhamento e isolamento. Atualmente o Tocantins tem 92 pacientes internados em UTIs públicas e outras 46 em leitos de terapia intensiva particular.
Taxa de ocupação dos hospitais
Entre as maiores taxas de ocupação dos leitos de UTI públicos neste sábado (12), até às 13h06, estava no Hospital Estadual de Combate à Covid-19. Veja abaixo a relação nas maiores unidades.
Hospital Estadual de Combate à Covid-19 – 91% de ocupação
Hospital Municipal de Campanha de Araguaína – 77% de ocupação
Hospital Regional de Araguaína – 76% de ocupação
Hospital Geral de Palmas – 70% de ocupação
Hospital Regional de Augustinópolis – 60% de ocupação
Hospital Regional de Gurupi – 60% de ocupação
Hospital Municipal de Araguaína (UTI pediátrica) – 17% de ocupação
Os dados de estatística hospitalar podem ser conferidos no portal Integra Saúde.
Veja a lista de cidades mais afetadas no Tocantins
Palmas – 14.438 casos e 119 mortes
Araguaína – 13.870 casos e 180 mortes
Gurupi – 3.070 casos e 41 mortes
Colinas do Tocantins – 2.223 casos e 17 mortes
Porto Nacional – 2.166 casos e 40 mortes
Paraíso do Tocantins – 1.930 casos e 39 mortes
Formoso do Araguaia – 1.089 casos e 12 mortes
Xambioá – 824 casos e 11 mortes
Guaraí – 817 casos e 15 mortes
Araguatins – 798 casos e 23 mortes
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.