Sanitarista Eduardo Hage está em liberdade e com a família

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Rogerio Schietti Cruz concedeu liminar ao médico sanitarista, Eduardo Hage, na tarde desta sexta-feira (28), suspendendo a ordem de prisão preventiva decretada pelo desembargador Humberto Ulhôa, do TJDFT, na ultima terça-feira (25), devido a operação Falso Negativo, movida pelo MPDFT. No momento, o servidor está em liberdade e com sua família.

Esta primeira etapa foi vencida, mas a defesa do sanitarista, amigos e familiares seguirão mobilizados até que as acusações sejam todas esclarecidas. Desde a detenção de Eduardo Hage, uma grande mobilização reuniu no site www.juntoscomeduardohage.blog.br mais de 500 assinaturas de apoio e de reconhecimento ao profissional, que há 30 anos exerce o trabalho à população. Entre os apoiadores estão: autoridades, parlamentares federais, acadêmicos, cientistas, servidores públicos e outros profissionais da saúde e diversos estados e países. Também foi criada uma Vaquinha virtual para custear a defesa de Eduardo Hage e já conta com mais de R$ 43 mil.

Eduardo Hage Carmo é servidor público da Secretaria de Estado da Saúde do Distrito Federal e nunca teve qualquer mácula em sua biografia. Ele construiu uma carreira reconhecida nacionalmente e internacionalmente. Realizou tarefas importantes para o país estando ao lado da Organização Mundial da Saúde, da Organização Pan-Americana da Saúde, do Ministério da Saúde, entre outros.

Leia matéria na íntegra no Site Portal de Brasília

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.