Polícia faz maior apreensão de droga da história do país: 33 toneladas de maconha

O Departamento de Operações da Fronteira (DOF) apreendeu 33 toneladas de maconha que eram transportadas em um caminhão. De acordo com a corporação, a abordagem representa a maior apreensão da droga na história do país. Dois suspeitos foram presos, um de 25 e outro de 45 anos.

Equipes do DOF, departamento ligado à Polícia Militar, realizavam um patrulhamento na MS-156, em Maracaju, quando avistaram o veículo, que seguia no sentido contrário ao da viatura. Os agentes deram ordem de parada, mas o motorista do caminhão desobedeceu e tentou realizar uma manobra para sair da rodovia.

O condutor, no entanto, teve a fuga frustrada e optou por abandonar o veículo e seguir a pé. Na sequência, os policiais revistaram o caminhão e encontraram a droga. Um carro, com dois homens, seguia logo atrás e também foi parado pelos policiais. De acordo com o DOF, a dupla fazia o serviço de batedor, com o intuito de alertar o motorista do caminhão sobre a presença de polícia nas rodovias.

O homem de 45 anos teria confessado que iria receber uma quantia em dinheiro pelo serviço. O carro e o caminhão possuíam rádios comunicadores na mesma frequência. Os dois homens que estava no carro foram presos. Já o motorista do caminhão conseguiu fugir.

De janeiro a agosta de 2019, a polícia aprendeu 74 toneladas de maconha. Este ano, no mesmo período, a quantidade chegou a 180 toneladas. De acordo com a polícia, o aumento na quantidade de drogas apreendidas se deve ao fato das estradas estarem vazias, devido à pandemia.

Leia matéria na íntegra no Site Portal de Brasília

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.