Pacientes passam horas dentro de ambulância à espera de atendimento em hospital de Araguaína


Segundo familiares, a informação repassada é que faltavam médicos para fazer o atendimento. Secretaria de saúde disse que demora ocorreu por causa do grande fluxo dentro da unidade. Pacientes foram barrados por falta de médicos no HRA
Pacientes tiveram que ficar por horas dentro de ambulâncias, na porta do Hospital Regional de Araguaína, à espera de atendimento, nesta terça-feira (25). Até a Polícia Militar foi chamada para registrar a situação.
A Secretaria de Saúde do Tocantins informou que a demora foi por conta do grande fluxo de pessoas na unidade, mas que todos foram atendidos.
Um dos pacientes foi o idoso Arcanjo Rocha, de 74 anos, que sofreu um AVC na manhã de terça-feira e precisou ser transferido de Muricilândia para Araguaína. Mas, por volta de 15h, ainda estava dentro da ambulância esperando ser recebido no hospital regional.
Segundo o filho dele, o lavrador Ronaldo Rocha, a justificativa foi a falta de médicos. “Eles foram buscar nós na chácara, em Muricilândia, deram um suporte e trouxeram para cá. Desde às 11h, nós estamos aqui. Eles dizem que não tem médico. Mandaram para a UPA, a UPA devolveu para cá. Estamos aqui até agora”.
Idoso, de 74 anos, ficou horas dentro de ambulância à espera de atendimento, após sofrer AVC
Reprodução/TV Anhanguera
Esse não foi o único caso. Pelo menos dois pacientes ficaram por horas na porta da unidade, sem conseguir atendimento.
O autônomo José Belém conta que o irmão passou mal em casa e foi socorrido pelo Samu. Quando chegou ao hospital, teve a mesma resposta. “A médica que está na sala vermelha não quer receber ele no hospital, não sei porque. Na sala verde não tem médico. Na sala vermelha tem, mas ela não quer receber ele”.
Desesperados com a situação, os familiares chamaram a Polícia Militar, que registrou o caso. Só depois de muitas horas, os pacientes foram atendidos. Mas o sentimento foi de indignação. “Nós somos pagantes de impostos. Tudo o que nós comemos e bebemos, nós pagamos impostos para ser devolvido para a saúde, educação. E nós estamos nessa aí”, lamentou José Belém.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.