Bolsonaro escolhe nome para Ministério da Educação

O presidente Jair Bolsonaro definiu o novo nome para o Ministério da Educação em breve. Segundo informações do portal R7, o secretário de Educação do Paraná, Renato Feder, deve assumir a pasta em breve.

Bolsonaro deve anunciar a decisão ainda nesta sexta-feira (3). Feder já estava no radar presidencial antes da escolha de Carlos Decotelli.

Após a saída de Abraham Weintraub, Decotelli foi escolhido para substituí-lo. No entanto, após polêmicas por mentiras no currículo, o nome dele foi descartado. Decotelli nem chegou a ser nomeado.

Currículo

De acordo com informações da Secretaria de Educação e Esportes do Paraná, Feder é graduado em Administração pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e mestre em Economia pela Universidade de São Paulo (USP). O próximo ministro da Educação deu aulas de matemática por 10 anos e foi diretor de escola por oito.

“Jeitão” não agradou Carlos

Como dito acima, o nome de Feder era estudado por Bolsonaro desde a saída de Weintraub. Feder, no entanto, não agrada ao “filho 01”, Carlos Bolsonaro. Para o vereador, o novo ministro estaria sendo “simpático demais com a imprensa”. 

Leia matéria na íntegra no Site Portal de Brasília

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.