Brasileira conquista bronze no Grand Slam de Dusseldorf

Ellen Santana venceu o bronze na Alemanha (Foto: Gabriela Sabau/IJF)

Neste sábado, no segundo dia do Grand Slam de Dusseldorf, na Alemanha, a peso médio Ellen Santana conquistou sua primeira medalha no Circuito Mundial Sênior da Federação Internacional de Judô.

Aos 20 anos e em fase de transição da seleção júnior, sub-21, para a principal, Ellen derrotou a sul-coreana Sengyeon Kim por ippon e conquistou a medalha de bronze no 70kg. O ouro ficou com a britânica Sally Conway, algoz da brasileira na semifinal.

“O que eu tive mais foco hoje foi em acreditar. Acreditar em mim, nos meus golpes e acreditar que é possível. E foi incrível! Depois da disputa de terceiro eu fiquei muito emocionada, chorei. Isso por acreditarem em mim, por ter conseguido, pelos treinos e por ter sido a primeira vez que alcanço uma medalha desse nível. Agora vou continuar focando em objetivos maiores, porque esse foi só o começo”, afirmou.

Com desempenho perfeito nas preliminares, Ellen venceu três lutas seguidas por ippon para chegar à semifinal. Eliminou a tunisiana Nihel Landolsi na primeira luta e imobilizou a cabeça-de-chave número um do evento, Anna Bernholm, da Suécia, para avançar às quartas.

Veja também:

Rafaela Silva fatura prata no Grand Slam de Dusseldorf; Brígida é bronze

Confiante, a brasileira não deu chances à sul-coreana Jeyoung You e projetou a adversária ao solo com a técnica perfeita, garantindo-se na semifinal, onde encarou uma das principais atletas de sua categoria, a britânica Sally Conway, bronze no Rio, em 2016.

A brasileira conseguiu encaixar algumas entradas, mas sofreu um contra-ataque que resultou numa chave de braço bem executada pela britânica fazendo Ellen desistir do combate.

Na luta pela medalha, ela manteve a agressividade e, na transição ao solo, imobilizou Kim até o ippon para a assegurar a terceira medalha brasileira na Alemanha. Na sexta, Rafaela Silva foi prata e Nathália Brígida bronze.

O pódio em Dusseldorf foi o melhor resultado da jovem carreira da atleta brasileira na equipe principal. Ela vinha sendo trabalhada pela CBJ nas categorias de base, onde foi bicampeã pan-americana júnior e ficou em quinto no Mundial Júnior de Nassau, em 2018, ano em que começou a rodar no Circuito Mundial Sênior. No Aberto de Oberwart na semana passada, Ellen já havia conquistado o sétimo lugar ao chegar na repescagem. Os pontos conquistados em Dusseldorf devem melhorar sua 66ª colocação no Ranking Mundial.

Além dela, o Brasil ainda teve Marcelo Contini (73kg), Eduardo Barbosa (73kg), Eduardo Yudy (81kg), Aléxia Castilhos (63kg), Ketleyn Quadros (63kg) e Maria Portela (70kg) no tatame da arena ISS Dome neste sábado.

Contini, Barbosa, Yudy, Quadros e Castilhos venceram suas primeiras lutas, mas pararam na segunda rodada. Portela parou em Hilde Jager, da Holanda, na primeira rodada. Neste domingo, último dia de Grand Slam de Dusseldorf, mais dez brasileiros irão para o tatame.

Confira a programação completa:

Horários de Brasília
4h30 – Preliminares
13h – Bloco Final

Domingo, dia 24
90kg: Eduardo Bettoni/Minas Tênis/FMJ
90kg: Rafael Macedo/Sogipa/FGJ
100kg: Leonardo Gonçalves/Sogipa/FGJ
100kg: Rafael Buzacarini/Paineiras/FPJUDO
+100kg: Jonas Inocencio/EC Pinheiros/FPJUDO
+100kg: Rafael Silva/EC Pinheiros/FPJUDO
78kg: Mayra Aguiar/Sogipa/FGJ
78kg: Samanta Soares/EC Pinheiros/FPJUDO
+78kg: Beatriz Souza/EC Pinheiros/FPJUDO
+78kg: Maria Suelen Altheman/EC Pinheiros/FPJUDO

O post Brasileira conquista bronze no Grand Slam de Dusseldorf apareceu primeiro em Gazeta Esportiva.

Leia esta e muitas outras notícias na Gazeta Esportiva
Autor: Luca Ranieri de Castilho

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.