Lama preta encontrada na praia das Arnos é esgoto doméstico, aponta análise

O Naturatins informou que não foi possível identificar a fonte da contaminação. A praia que ficou interditada por mais de 30 dias deve ser liberada ainda nesta quarta-feira. Lama preta na praia das Arnos causou mau cheiro e incomodou visitantes e comerciantes
Reprodução/TV Anhanguera
A lama preta encontrada na praia das Arnos, em Palmas, é esgoto doméstico, segundo análise feita pelos técnicos do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e da Fundação de Meio Ambiente (FMA). A substância apareceu na água no mês passado e incomodou os frequentadores e comerciantes do local, por causa do mau cheiro.
“Como o lançamento não possui fluxo contínuo, acreditamos tratar-se de lançamento irregular de esgoto não tratado”, afirmaram os inspetores do Naturatins, Deivid Sousa Silva e Pedro Rodrigues de Oliveira.
O Naturatins disse que não foi possível identificar a fonte da contaminação para identificar possíveis culpados e prevenir o despejo de novos efluentes, mas disse que vai intensiticar as ações de fiscalização na região, juntamente com a prefeitura.
A praia que ficou interditada por mais de 30 dias por causa do problema deve ser liberada ainda nesta quarta-feira, já que coletas recentes apontaram que a água já está propícia para o banho, segundo o diretor de controle ambiental da FMA, Adriano Silva Pinto.
De acordo com o Naturatins, a prefeitura fez a limpeza da areia e está concluindo licitação para voltar a fazer análises semanais da qualidade da água das praias da capital.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.