Mulher morre após ser baleada durante assalto em Palmas

Vítima foi identificada como Leidiene Pacheco da Silva, de 35 anos. Crime foi na rotatória entre as avenidas H e D, no Jardim Aureny III. Leidiene Pacheco foi assassinada durante o assalto
Reprodução/Facebook
Leidiene Pacheco da Silva, de 35 anos, morreu após ser baleada durante um assalto no Jardim Aureny III, em Palmas. Testemunhas informaram que o criminoso tentou roubar a motocicleta da vítima quando ela diminuiu a velocidade em uma rotatória. Parentes disseram que ela estava voltando para casa após visitar uma tia.
O crime foi por volta das 22h, na rotatória entre as avenidas H e D. O Samu foi ao local, mas quando chegou a Leidiene já estava morta. A Polícia Militar e a perícia da Polícia Civil também foram chamadas. Até 22h30 ninguém tinha sido preso.
A bolsa da mulher foi levada pelo criminoso. A família é do interior do estado, de Novo Acordo. Ela deixa três filhas.
Crime foi em rotatória do Jardim Aureny III
Alexandre Tundela/TV Anhanguera
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.