Tocantins vai ter reforço de tropas federais em 12 locais para as Eleições

Governo Federal vai mandar mais 2,2 mil homens para cinco zonas eleitorais. Maioria irá para aldeias indígenas e quilombolas. Segurança da votação será reforçada por tropas federais
Gabriela Lago/G1
O Tocantins pediu reforço de tropas federais para 12 locais nas Eleições 2018. No dia 7 de outubro cerca de 2,2 mil homens de várias forças de segurança vão estar no estado para garantir a tranquilidade durante a votação. O procedimento é padrão durante eleições e será adotado em 500 locais em todo o país.
No estado, os esforços estão concentrados em aldeias indígenas e quilombolas. A exceção é a cidade de Tocantínia, que vai receber o reforço.
Segundo o Tribunal Regional Eleitoral, serão 2.271 agentes envolvidos, sendo 1.038 policiais militares, 800 policiais civis, 45 policiais federais, 300 homens do Exército, 68 Bombeiros e 20 policiais rodoviários federais.
Veja quais locais vão receber o reforço:
32ª ZE de Goiatins – Aldeia Pedra Branca, Rio Vermelho, Cachoeira
23ª ZE de Pedro Afonso – Aldeia Lajeado
15ª ZE de Formoso do Araguaia – Aldeia Canoanã, Txuiri, São João
5ª ZE de Miracema – Cidade de Tocantínia e Aldeias Porteira, Rio Sono, Brejo Comprido e Funil.
Veja mais notícias da região no G1 Tocantins.

Leia matéria na íntegra no Portal G1 Tocantins

reporter1

Repórter 1 é um agregador de notícias, um robô que captura automaticamente posts em sites, blogs e grandes portais, economizando seu tempo. Aqui você encontra o caminho mais curto para informações e opiniões relevantes que estão na internet.