Defesa de Lula ganha tempo

Sergio Moro não entendeu. A defesa do ex-presidente Lula pediu perícia em mensagens eletrônicas de Marcelo Odebrecht duas vezes, foi atendida em ambas, mas decorrido o prazo não apresentou o resultado ao fim do prazo determinado nos autos da investigação de suposta propina ao petista.

Na primeira oportunidade, os advogados disseram que não tiveram acesso ao conteúdo das mensagens; na segunda, dispensaram qualquer explicação que seja.

Saiba mais acessando Radar Online Revista Veja
Fonte: Revista Veja / Radar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *