Licença de presidência do PSDB pode viabilizar “solução Alckmin”

Há uma articulação no PSDB para oferecer licenças da presidência do PSDB a fim de convencer o governador Geraldo Alckmin (SP) a aceitar ser eleito para o comando do partido.

A ideia foi apresentada por tucanos ao ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e ao presidente interino, Alberto Goldman.

Pelo formato em debate, Alckmin seria aclamado como novo presidente do PSDB na convenção de dezembro. Na sequência, tiraria licença para continuar dedicado ao governo de São Paulo, com tempo para fazer articulações eleitorais sem precisar entrar na rotina partidária.

Nesse período de licença do governador paulista, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, que demanda prévias, poderia disputar com Alckmin a indicação para a Presidência da República. Hoje, a tendência seria Alckmin vencer as prévias e retornar ao comando da legenda por volta de março.

Em junho, Alckmin se licenciaria novamente para cair fora da briga pela formação dos palanques estaduais tucanos, uma bola dividida que ele, como candidato a presidente, desejaria evitar. Daí em diante, faria a campanha presidencial.

FHC gostou da ideia. Haveria um acordo entre as alas oposicionista e governista da legenda. A Executiva Nacional seria composta por entendimento. Um grupo gostaria de colocar o governador de Goiás, Marconi Perillo, como o primeiro vice-presidente. Essa ala, capitaneada pelo senador Aécio Neves (MG), crê ter maioria hoje na máquina partidária.

Outro grupo deseja ter o senador Tasso Jereissati (CE) como primeiro vice-presidente. Cogita-se alternância de vice-presidentes no comando, a fim de acomodar interesses.

Em resumo, essa “solução Alckmin” seria um desenho bem ao estilo tucano a fim de convencer o governador paulista assumir a empreitada partidária.  Também evitaria uma disputa fratricida para formar a Executiva Nacional.

Detalhe: Aécio Neves mantém o comando formal da legenda com esse modelo de licenças.

Saiba mais …
Autor: Kennedy Alencar

Powered by WPeMatico

Compartilhe nas redes sociais:
Follow by Email
Facebook
Google+
http://reporter1.com.br/2017/11/15/licenca-de-presidencia-do-psdb-pode-viabilizar-solucao-alckmin/
Twitter

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *