Picciani rebate acusações: ‘covardia’

Alvo principal da Operação Cadeia Velha, desdobramento da Lava-Jato, o deputado Jorge Picciani acaba de divulgar nota em que chama de “covardia” a denúncia que responde por suposta participação em esquemas de corrupção no Rio.

“O que aconteceu hoje com meu filho é uma covardia feita para atingir tão somente a mim. Felipe é um zootecnista, bom pai, bom filho, bom amigo, que trabalha de sol a sol e não tem atuação política. Todos que o conhecem o respeitam e sabem do seu caráter e correção”, diz Picciani.

“Nossa família atua há 33 anos no ramo da pecuária, onde ingressei antes de me eleger deputado. Com trabalho duro, nos transformamos numa das principais referências em alta genética do País. Trinta e três anos não são trinta e três dias”, afirma.

Ele justifica ainda a indicação de Edson Albertassi para o Tribunal de Contas do Estado.

“A indicação do nome do deputado Edson Albertassi para integrar o TCE foi do governador Luiz Fernando Pezão e aconteceu mediante ao fato de os três auditores a quem caberia a indicação terem decidido não concorrer pelo fato de ainda estarem no período de estágio probatório, o que foi avaliado por eles como insegurança jurídica. Diante da manifestação da Justiça, eu já havia inclusive suspendido a votação que estava prevista para hoje”.

Picciani afirma que “em toda a minha carreira jamais recebi qualquer vantagem em troca de favores” e que seu patrimônio  “é absolutamente compatível com a renda oriunda das minhas atividades empresariais e isso já foi comprovado em investigação que durou dois anos e foi devidamente arquivada, em 2006”.

 

Arquivado em:Política
Leia mais…
Autor: Ernesto Neves
Via Blog Radar | Revista Veja

Powered by WPeMatico

Compartilhe nas redes sociais:
Follow by Email
Facebook
Google+
http://reporter1.com.br/2017/11/14/picciani-rebate-acusacoes-covardia/
Twitter

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *